Sala de Imprensa

No dia do Voluntariado, Instituto 3M comemora ações realizadas por 465 voluntários

sexta-feira, Setembro 23, 2016 2:13 pm CDT

Dateline:

Sumaré (SP)

Em 1999, quando foi convidado por amigos a ser voluntário em uma Organização Não-Governamental (ONG) recém-criada, o gerente financeiro da 3M, Marcio Eliandro Pomini, de 51 anos, não imaginava que seria o maior beneficiado. “O amor que a gente oferece para o outro é o que faz diferença na nossa vida”, conta ele que há 17 anos coloca a mão na massa como voluntário no Centro Educacional Rebouças que atende crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade em Sumaré, interior de São Paulo.

Assim como Márcio, outros 464 funcionários distribuídos pelas fábricas da 3M do Brasil em várias regiões do País, dedicam parte do seu tempo para ajudar quem precisa. Eles formam o Grupo de Voluntários do Instituto 3M, organização idealizada pela 3M do Brasil para promover o empreendedorismo e o desenvolvimento social. “A cultura do voluntariado é muito forte na 3M. O Instituto 3M incentiva os funcionários da empresa a participarem de forma voluntária em projetos sociais e contribuírem para melhorar a qualidade de vida de quem precisa. Todos ganham”, explica Mara Fioravante, presidente da instituição.

Para incentivar os funcionários da 3M a atuarem em projetos que valorizam o voluntariado, o Instituto 3M mantém o Programa de Voluntários. Entre as ações do programa estão o cadastro de dez instituições sem fins lucrativos que estão de acordo com os pilares de atuação do Instituto 3M – Educação, Tecnologia Social, Ciência & Tecnologia e Desenvolvimento Social –, as ações internas para arrecadação de recursos para projetos e o cadastro dos voluntários.

Todos os voluntários são cadastrados, o que permite mapear as ações e necessidades das instituições para realização de campanhas e outras iniciativas.  “Quando alguém nos procura dizendo que gostaria de ser voluntário indicamos os projetos que estão mais em acordo com o perfil do profissional e disponibilidade de participação de cada um”, explica Liliane Moura, coordenadora de projetos do Instituto 3M. Os colaboradores têm ainda como opção a atuação no programa interno Formare – que oferece curso profissionalizante a jovens de comunidades no entorno das fábricas 3M. As aulas teóricas e práticas são ministradas dentro das unidades da empresa por educadores voluntários.

Anualmente, o Instituto 3M faz a doação de cerca de R$ 3.000,00 para cada instituição cadastrada. A decisão sobre como este recurso será usado é tomada pelo funcionário voluntário na instituição, chamado de “padrinho”, alguém que normalmente é o voluntário que está há mais tempo atuando na instituição e conhece bem as necessidades ou emergências. É dele também a responsabilidade de reportar ao Instituto 3M sobre o andamento e resultados das ações.  

Os voluntários têm liberdade de escolher a instituição em que pretende atuar, mesmo que ela não esteja na lista das cadastradas. Nestes casos, o Instituto 3M tem o papel de realizar ações de acordo com as necessidades pontuais de cada uma, como, por exemplo a criação de campanhas.

Em média, os voluntários dedicam ao menos duas a três horas por mês para a instituição. “O voluntário é normalmente uma pessoa que lida melhor com dificuldades. É mais engajado, trabalha melhor em equipe e tem uma melhora na performance social. Algumas pessoas tímidas procuram o voluntariado para se soltarem”, pondera a presidente do Instituto 3M.

Silvia Cunha, 39 anos, Black Belt de Lean Six Sigma na 3M, conta que trabalhar em equipe ficou mais fácil depois que ela se tornou voluntária. “Tenho mais empatia e aprendi a compartilhar mais. Acho que me tornei uma pessoa melhor”. Há cinco anos ela é voluntária na creche Bento Quirino, em Campinas, e ocupa atualmente o posto de vice-presidente da entidade que cuida de 470 crianças com idade entre 2 e 14 anos.

Silva conta que contribui com a creche com o que sabe fazer melhor. Formada em Administração de Empresas, ela ajudou a reestruturar a creche, do ponto de vista financeiro e administrativo. Também criou canais de comunicação – site e perfis nas redes sociais – para mostrar para a comunidade o trabalho e, dessa forma conseguir mais recursos. “A grande ajuda do voluntariado é contribuir com o que a sabemos fazer. Eu acredito que sou muito mais útil cuidando da parte administrativa do que das crianças”, confidencia.

Casos:

 Marcio Eliandro Pomini tem 51 anos e trabalha na 3M do Brasil há 27 anos. Sua história com o voluntariado começou em 1999 quando foi convidado por um grupo de amigos a ajudar em uma entidade recém-formada com o objetivo de tirar crianças e adolescentes da rua, oferecendo atividades fora do horário escolar. “Eu gostei da iniciativa e do trabalho que eles estavam desenvolvendo com as crianças e comecei a participar. A ansiedade de ajudar o próximo é contagiante”, conta ele que pediu para que a entidade fosse cadastrada junto ao Instituto 3M.

Como voluntário Márcio faz de tudo um pouco. Ajuda na divulgação dos eventos para angariar fundos para os projetos, ajuda na montagem dos eventos e trabalha nas tendas ou barracas e até na limpeza quando necessário. Hoje com o nome de Centro Educacional Rebouças, a entidade localizada na cidade de Sumaré, interior de São Paulo, atende 120 crianças e adolescentes com idade entre 5 e 18 anos de segunda à sexta-feira das 7h às 16h30. “Quando comecei não tinham 25 crianças”, lembra Marcio.

Para o gerente financeiro, o sucesso de projetos como este que oferece atividades educacionais, esportivas e até cursos profissionalizantes está diretamente relacionado com o empenho dos voluntários. “O que eu sempre falo é que temos que sair da nossa zona de conforto. Precisamos mergulhar na vida real e atentarmos nos problemas dos outros. Fazer a diferença na vida de uma pessoa já é fazer muito”, explica.

Marcio conta que nem tudo são flores na vida de um voluntário. “No começo é uma empolgação só. Depois você tem a sensação de impotência por não conseguir mudar o mundo sozinho. Mas o que mantém minha chama acesa é saber que eu posso mudar a vida de uma pessoa e dar uma oportunidade para ela”.

Sobre a principal alegação de falta de tempo, muito usada por quem não é voluntário, Marcio dá uma alternativa. “Ser voluntario é ajudar com o que pode e fazer de coração”.

Silvia Cunha, de 39 anos, é Black Belt e responsável por liderar projetos Lean Six Sigma na 3M do Brasil.  Formada em Administração de Empresas, ela conta que descobriu o voluntariado logo que foi contratada pela multinacional, cinco anos atrás. “Sempre quis trabalhar como voluntária e um dia aqui na 3M a Mara Fioravante me disse que a creche Bento Quirino (em Campinas, interior de São Paulo) precisava de ajuda. Ela perguntou se eu podia ajudar a fazer o plano estratégico da instituição”. Silvia ajudou no plano, foi se envolvendo nas atividades da creche e hoje é vice-presidente da instituição.

Como administradora de empresas Silvia contribui com o que o que tem de melhor: conhecimento para administrar a creche, organização para conseguir novos investimentos e doações e reestruturação para torná-la sustentável. A creche Bento Quirino atende hoje em Campinas 470 crianças de 2 a 14 anos.

“As pessoas dizem que não têm tempo para serem voluntárias. É claro que sempre vamos ter que escolher entre fazer algo para os outros e algo para nós mesmos. É questão de prioridade, mas quando ajudamos com o que fazemos de melhor fica mais fácil escolher”, diz ela que dedica 3 horas por semana do seu tempo à Creche Bento Quirino. “Eu sei que agrego mais melhorando processos e buscando investimento do que cuidando das crianças”.

Silvia conta que desde 2011, quando iniciou seu trabalho como voluntária, percebeu na creche Bento Quirino melhorias no processo de formação dos professores e novas atividades para as crianças como aula de música. Também criou canais diretos com a comunidade, uma nova marca, site, página nas redes sociais – que ajudam a trazer recursos – e criar um caixa para emergências.

Mas as crianças não foram as únicas que ganharam. “Fico feliz em ver que aquelas crianças sentem prazer quando estão na creche. Sei que a vida delas não é fácil e quero que elas tenham bons momentos e queiram estar na Creche Bento Quirino. Acho que me tornei uma pessoa melhor e no trabalho aprendi a compartilhar mais. Se eu soubesse antes a diferença que poderia fazer na vida das pessoas quando eu divido um conhecimento, teria iniciado o voluntariado antes”, conta ela que diz não conseguir mais se ver sem ser voluntária.

Esta e outras notícias sobre a 3M e suas marcas estão disponíveis em nossa Sala de Imprensa: http://news.3m.com/pt-br.  Cadastre-se para receber em seu e-mail nossos alertas de releases e outras divulgações.

Sobre o Instituto 3M

O Instituto 3M de Inovação Social é uma organização idealizada pela 3M do Brasil e visa contribuir para a transformação social do Brasil promovendo o empreendedorismo de nossas futuras gerações, fundamentado em valores éticos, de cidadania e de sustentabilidade. A missão do Instituto 3M, que completa 10 anos em 2016, é atuar na descoberta de tecnologias sociais e no desenvolvimento de programas próprios e em parcerias com foco na formação de nossas futuras gerações para empreendedorismo. Para mais informações, acesse: www.instituto3m.org.br

Sobre a 3M

Na 3M, utilizamos a ciência para melhorar e tornar mais fácil a vida das pessoas a partir de sua reconhecida cultura de colaboração criativa. Com cerca de 90 mil funcionários conectados com clientes em todo o mundo e mais de 55 mil itens de produtos inovadores para diferentes mercados, a 3M atingiu US$ 30 bilhões em vendas globais. No Brasil, a multinacional alcançou faturamento bruto de R$ 3,5 bilhões e conta com 3.800 funcionários em sete unidades fabris instaladas nos estados de São Paulo e Amazonas. Também fazem parte do grupo 3M no Brasil, a Incavas, localizada no Rio Grande do Sul, e a Capital Safety, em São Paulo. Conheça nossas soluções criativas da 3M no site www.3M.com.br e em nossa Sala de Imprensa http://news.3m.com/pt-br.

Related Materials

Siga-nos
As marcas listadas acima são marcas comerciais da 3M.
Business Wire NewsHQsm